LER PARA VALER: DICAS DE LEITURA

por

Preparados para mais uma dica especial? Bora lá e boa leitura a todos. 

Sendo uma das mais antigas manifestações literárias, a epopeia mais conhecida da história talvez seja de Homero. E hoje iremos falar sobre ILÍADA, ODISSEIA e ENEIDA.

ILÍADA: A história descreve parte dos acontecimentos que marcaram a tão famosa Guerra de Tróia, onde o príncipe de Tróia, filho do rei Príamo, em uma viagem de negócios à Grecia - mais especificamente em Esparta - sequestra a tão linda princesa Helena da casa de seu marido Menelau. Assim, o rei de Esparta juntamente com seu irmão Agamêmnon, soberano de Micenas reúne o grande e poderoso exército grego para ir em busca da princesa Helena e obter a vingança contra Páris (príncipe troiano). A história também fala sobre Odisseu rei de Ítaca que foi o que teve a brilhante ideia de fazer o tão famoso cavalo de tróia. Após anos de guerra os troianos se mantinham intactos, já os gregos estavam quase desistindo quando então o grande Odisseu teve a ideia de construir um grande cavalo de madeira e colocar soldados escondidos. Fingindo ser um presente de rendição. E assim fizeram, os troianos acreditando na vitória festejaram e se embebedaram durante a noite toda. Quando todos já estavam caídos os gregos saíram de dentro do cavalo e incendiaram tróia e tudo o que nela tinha de vivo.

ODISSEIA: A Odisseia é a continuação da história só que agora se enfatiza sobre a vida de Odisseu (Ulisses no Latim). Após a vitória sobre tróia, Ulisses por ter sido a grande mente por trás do plano, se vangloriou e desafiou Poseidon (deus dos mares) que lhe custou passar anos pelos mares! Quando Odisseu saiu de Ítaca deixou sua esposa Penélope e seu filho recém nascido Telêmaco. Prometeu retornar para casa, porém, caso não retornasse num prazo de 20 anos, Penélope poderia escolher outro marido. Como a guerra em tróia durou aproximadamente 10 anos ele ainda estava no prazo, no entanto, com o desafio do Deus, Odisseu passou muitos anos navegando sobre os mares até encostar numa ilha onde vivia a linda deusa Circe - que se apaixonou instantaneamente por Odisseu e então jogou um encanto que o fez permanecer mais 5 anos na ilha, quando o encanto acabou e Odisseu descobriu que havia sendo enganado resolveu que era a hora de partir. Circe implorou para que ele ficasse e lhe prometeu a imortalidade, mas Odisseu havia prometido voltar com vida para Penélope e assim o fez. E com muito sacrifício ele chega em sua casa, porém nada mais está como antes. 

ENEIDA:  Um poema escrito por Virgílio que retrata a história de um sobrevivente de tróia Eneias (sobrinho do rei Príamo) que diferente de todos os outros guerreiros é sinônimo de bondade e humildade. A história se passa durante a guerra. Alguns sobreviventes escapam por um túnel no castelo troiano, então, Eneias carregando o filho e seu velho pai nas costas segue lutando pela liberdade. Eneias é um símbolo forte e de grande resistência; Ele encorajava e dava esperanças aos pobres desabrigados de tróia. E assim ele encontrou um lugar para se abrigar em Cartago onde é recebido por Dido - rainha daquela terra - que depois se apaixona por ele. Surge então uma das histórias que contam o nascimento da grande Roma.

Todas essas histórias nos trazem um aprendizado moral e humano, seja de consequências dos atos, que a fidelidade e um grande amor suporta o tempo ou sobre valores que precisam ser retomados. Estes não são apenas grandes contos que suportaram o tempo e continuam sendo famosos, são além disso ensinamentos que necessitam de atenção e prestígio. 

Se você quer deixar alguma sugestão do próximo tema é só entrar em contato com a gente ou lá no instagram: @caixadehistoriass


Por: Flávia Bendini, acadêmica de Letras na Unespar.

Compartilhe esse artigo