BAILARINA EM CONSTRUÇÃO

por

Mari Lavrati é uma doce bailarina. Um dia ganhará o mundo e continuará sendo uma bailarina. E mesmo seguindo qualquer outro caminho escolhido por ela, ainda será uma BAILARINA. É um dom, parte da sua alma, parte da sua personalidade! Acompanhe um pouco desse ensaio cheio de personalidade e paixão!

Foto: Cris Lazarini / Figurino: CMSS / Make: Camila Arrabaça

Poucas vezes conheci alguém com um amor tão intenso como o da Mari pela arte da dança. Ela flutua e nos faz voar a cada movimento realizado. Uma jovem de apenas 13 anos e uma responsabilidade: Ser melhor a cada dia.

“Estou no ballet há 8 anos já, faz parte de mim. Não sei explicar, comecei a gostar desde muito pequena, fui pegando gosto e quando vi, já estava totalmente envolvida.” – Afirma Mari.

Desde pequena já com postura de bailarina / 9 anos 

Uma menina um tanto tímida, educada e bela. Sonhadora, talentosa e muito rígida com seus movimentos. “Cada dia procuro melhorar um pouco mais, evoluir sempre, não posso relaxar em nada. O segredo é treinar e treinar”.

 “Ter uma bailarina em casa é uma tarefa encantadora, cheia de preocupação, orgulho e responsabilidade. Ser mãe de uma bailarina é encantar-se a cada passo, a cada brilho no olhar dela e vibrar com cada toque da música. A sintonia está nos pés da bailarina e é hipnotizante! Mas acima de tudo é saber que sua filha está fazendo o que ama e está feliz”. – Finaliza a mãe (Rose) orgulhosa da filhota.

Perguntamos para Mari como ela se sente ao dançar e ela nos emocionou: “Quando danço sinto algo inexplicável! Eu me esqueço de tudo e foco só naquele momento. Faço cada movimento com muito amor e entrega. Sou de corpo e alma no Ballet. Procuro a leveza e a delicadeza em cada passo... isso faz parte de mim”.

Conversamos com sua antiga professora, Bruna Moraes:

“Fui a primeira professora de ballet da Mari e mesmo pequena ela já se destacava nas aulas. Sempre esforçada e muito focada. Naquela época já era possível notar que o que ela sentia era um caso de amor pela dança. Alguns anos depois eu tive a oportunidade de ser sua professora novamente e pude acompanhar sua evolução. O seu talento é nítido e isso resulta em belas apresentações emocionando a todos que assistem. É encantador vê-la no palco... é emocionante!”

Confira mais fotos desse ensaio incrível capturado pelas lentes da Cris Lazarini

CONEXÃO

A beleza está no olhar de quem dança

SINTONIA

HARMONIA

NATUREZA

GARRA

 

EQUILÍBRIO 

FORÇA

LEVEZA

GRATIDÃO

MISTÉRIO

E MUITO RESPEITO COM O UNIVERSO

Mari faz aula de dança no CENTRO DE MOVIMENTO SANDRA SOUZA e já participou de várias apresentações públicas. Mari, "VAI E BRILHA" (como diz a Sandra) que a gente está amando acompanhar essa sua CONSTRUÇÃO.


Agradecimentos/Apoio:  Maquiadora: Camila Arrabaça // Figurino: Centro de Movimento Sandra Souza 

Compartilhe esse artigo