#EuPoeta

por

Poesia encanta e inspira, não é? Sempre tem alguma que foi feita pra gente! Por isso, nós da REVISTA NOVA FOLHA queremos que você se inspire e comece escrever as suas TAMBÉM!

Aqui nesse espaço terá de tudo um pouco! Poesias, poemas e pensamentos... tudo feito por nossos leitores e leitoras. Escrever alivia, é terapêutico e é... LINDO.

E pra dar início ao quadro #EuPoeta apresentamos a bela e encantadora Talita Fernanda.

 

Talita Fernanda Carvalho de Souza , 19 anos, natural e moradora de Marilena, Pr.
 Apaixonada por animais, livros e histórias. Curte Nando Reis e Frejat. Fique agora com suas belas e profundas palavras.
"Apesar dos pesares
Ainda sobraram alguns bares
Pra me tirar da solidão. 
Escolhi a dedo, um por um 
Mas acabei entrado em qualquer um
Eu só queria te esquecer 
E que infelicidade a minha! 
Naquela mesa tão simplesinha... 
Havia seu nome dentro de um coração 
Uma lágrima percorreu pelo meu rosto 
Saí feito louco
Eu não queria lembrar de nós
Você partiu da minha vida
Deixou no meu peito uma ferida... 
Agora só o tempo é capaz de curar
Ainda são 9 da manhã 
Acho que volto só amanhã 
Por hoje chega de chorar".
            
"Revirando fotos antigas
Parei pra pensar na vida...
Sobre o quanto eu era feliz 
Minha dor era com joelho ralado
Hoje sofro com coração apertado
A medicina não consegue ajudar 
Então eu viajo nas lembranças 
Do tempo em que eu era apenas criança 
Pra ver essa dor passar
Só queria voltar aos meus 10 anos
E fazer outros planos 
E assim não cometer os mesmo erros outra vez".
Ah, que nostalgia, né? Poesia vai na alma da gente, corre nas veias como sangue. Ah, e vicia viu? "Êta" vício bom!
E aí, se inspirou? Quer mandar um poema/poesia pra gente? Entre em contato aqui pela revista mesmo na opção contato.
Poesias por: Talita Fernanda
Fotos: Pixabay

Compartilhe esse artigo